Planeie a sua logística para a Índia

Das empresas Ingram Micro Commercial e Lifecycle Services

1 Vista geral

O desafio

A Índia é uma das economias que mais rapidamente cresce no mundo e, à medida que abre as indústrias ao investimento estrangeiro direto, cria excelentes oportunidades de crescimento. Embora os setores de retalho e comércio eletrónico da Índia ainda se estejam a consolidar, a tecnologia está a ampliar o mercado para os compradores online. Mesmo que não esteja a pensar especificamente na Índia como o seu próximo mercado, deve ter em consideração que é um importante exportador, importador e fabricante de bens mundial.

O seu objetivo

Após ler este guia, vai compreender as oportunidades proporcionadas pela Índia e como tirar o máximo partido das mesmas, bem como obter uma ideia geral do posicionamento da Índia no equilíbrio de poderes global e por que motivo este posicionamento afeta as empresas.

alt text

2 Expandir o negócio para a Índia

A Índia é uma das economias que mais rapidamente cresce no mundo. Os desenvolvimentos na infraestrutura, um setor de fabrico em expansão, o comércio de exportação e importação, o retalho e atividades agrícolas relacionadas, entre outros fatores, fomentam este crescimento. Devido ao crescimento económico, o mercado de logística indiano tem crescido exponencialmente ao longo dos anos e está previsto que a taxa de crescimento anual composta (CAGR) tenha um aumento superior a 12% entre 2015 e 2020.1

Deve considerar os seguintes fatores quando avaliar a logística de comércio eletrónico na Índia: consolidação, classificação, transporte e entrega no último quilómetro. O transporte, particularmente a entrega no último quilómetro, representa um fator de custo considerável.2 Na Índia, cerca de 57% da carga é transportada por via rodoviária, o modo mais dispendioso de viajar. Embora a Índia tenha a segunda maior rede rodoviária do mundo, a qualidade das estradas é muito precária. Está em curso um grande projeto de infraestruturas de transportes para melhorar as estradas, as ferrovias, os portos, os aeroportos e a eletricidade em toda a Índia.3

Embora os setores de retalho e comércio eletrónico da Índia ainda se estejam a consolidar, a tecnologia está a avançar para proporcionar mais opções, preços mais baixos e uma maior conveniência para os compradores online. A Amazon e a Flipkart são as duas empresas de comércio eletrónico líderes na Índia e, em conjunto, totalizaram mais de dois terços do valor bruto de transações online em 2016. Além disso, o mercado de comércio eletrónico indiano está a crescer a uma taxa média de 70% todos os anos (cresceu mais de 500% só nos últimos três anos). Por conseguinte, o comércio eletrónico é uma excelente opção que pode considerar para alcançar clientes na Índia nos próximos anos.4


  1. Research and Markets 

  2. Comerciante multicanal 

  3. Reuters 

  4. Research and Markets; Internet and Mobile Association of India 

3 Factos rápidos e vantagens da atividade comercial na Índia

  • Está previsto que as vendas de comércio eletrónico na Índia aumentem de mais de 20 mil milhões de dólares americanos em 2017 para 52 mil milhões de dólares americanos em 20221

  • Nos últimos anos, setores-chave da economia indiana foram abertos ao investimento estrangeiro direto (FDI), o que permitiu que empresas estrangeiras detivessem até 51% do negócio na Índia. Esta abertura gradual do mercado de FDI no retalho, aviação, comércio eletrónico e defesa deve ajudar a promover a expansão e a melhoria das cadeias de abastecimento em toda a Índia2

  • A versão indiana da Cyber Monday é o Grande Festival de Compras Online. Começou em 2012 com uma parceria entre a Google India e as empresas Flipkart, HomeShop18, Snapdeal, Indiatimes shopping e Makemytrip3

  • Cerca de 74% dos utilizadores da Internet na Índia têm menos de 35 anos e este grupo representa a maioria dos compradores indianos4

(a) Vista geral e (b) discriminação do setor de logística do comércio eletrónico retalhista da Índia, 2016 – 2020

(a) Vista geral e crescimento previsto do mercado
Dimensão do mercado em 2016 0,46 mil milhões
Dimensão do mercado em 2020 2,20 mil milhões
CAGR 2016 – 2020* 48%
Logística como percentagem do setor de comércio eletrónico retalhista 7%
(b) Discriminação do setor (2016 vs 2020)
Setor 2016 2020
Vestuário 38% 36%
Componentes eletrónicos 29% 31%
Mobiliário doméstico 15% 23%
Produtos de bebé 9% 6%
Livros 7% 3%
Artigos de beleza e de cuidado pessoal 1% N/A
Outros 1% 1%

*A CAGR (taxa de crescimento anual composta) é a taxa média de crescimento anual de um investimento durante um período de tempo específico superior a um ano (fonte: Investopedia).


  1. Statista 

  2. Banco Mundial 

  3. CNet 

  4. BCG, Google 

4 Tendências dos clientes

É essencial refletir sobre o comportamento dos clientes antes de expandir a sua empresa para novos mercados. De que forma é que o seu cliente-alvo costuma comprar produtos? Qual é o método de entrega preferencial dos clientes? Os fatores seguintes dão uma ideia do impacto que as tendências dos clientes vão ter na sua atividade comercial na Índia.

  • O principal meio de transporte é o rodoviário e os compradores de comércio eletrónico na Índia estão habituados a esperar mais de 10 dias para receberem as respetivas compras. Tempos de entrega mais curtos não vão necessariamente influenciar a decisão de compra dos seus clientes

  • Atualmente, os homens representam 80% dos compradores online na Índia. Contudo, em 2020, irá ocorrer uma mudança e os homens vão representar 58%, com as mulheres a perfazerem os restantes 42%1

  • O método de pagamento online preferencial na Índia é por contra reembolso2

  • 60% das compras online ocorrem durante o horário de funcionamento das empresas (das 9:00 às 17:00)3


  1. A.T. Kearney, Google 

  2. Business Insider 

  3. Institute of Electronics and Telecommunications Engineers 

5 Modelos de processamento de encomendas

Compras transfronteiriças com destino à Índia

Poderá enfrentar uma série de desafios ao realizar envios transfronteiriços para a Índia, incluindo custos de envio elevados, taxas de importação e complexidades em torno das trocas e devoluções.

Processamento de encomendas dentro da Índia

Com a implementação do GST, as decisões quanto aos locais de armazenamento passaram a incidir menos nos impostos e nas taxas e mais na localização dos clientes. Com esta alteração, poderá ser melhor ter uma localização de armazém única do que ter vários armazéns, pois permite maior controlo do inventário e mais poupanças fiscais.

Ao avaliar os locais de armazenamento na Índia, existem 8 centros a considerar: Déli, Kolkata, Hyderabad, Chennai, Bangalore, Pune, Mumbai e Ahmedabad. Estas 8 cidades contribuem para mais de 40% do PIB total do país e, ao armazenar e processar as encomendas dos seus produtos a partir de qualquer uma destas localizações, pode suprir cerca de 60% da procura dos consumidores no prazo de 12 horas.1

A tabela abaixo mostra fatores importantes a considerar quando selecionar o local de armazenamento do seu produto. O acesso eficiente a aeroportos e a portos torna Mumbai numa escolha popular: o porto de Mumbai processa 70% do comércio marítimo na Índia e mais de metade do tráfego aéreo do país (a Índia tem mais de 20 aeroportos internacionais).2

Déli NCR Kolkata Hyderabad Chennai Bangalore Pune Mumbai Ahmedabad
Orientado para o consumo Sim Sim Sim Sim Sim Sim Sim Sim
Orientado para o porto marítimo Não Sim Não Sim Não Não Sim Não
Orientado para os facilitadores Sim Sim Sim Sim Sim Sim Sim Sim

  1. Business World, BCG 

  2. India Brand Equity Foundation 

6 Como iniciar a atividade comercial na Índia

Ao ponderar a sua entrada no mercado indiano, pense no tipo de modelo de processamento de encomendas e estrutura empresarial que melhor se adequam ao seu negócio. Qual é a forma mais eficaz de alcançar clientes e processar encomendas? Que estrutura empresarial é a mais adequada para exportar o que a sua empresa tem para oferecer? Deve compreender os requisitos regulamentares do comércio eletrónico na Índia, a respetiva política de FDI e os potenciais custos inerentes ao GST em que irá incorrer. Também tem de determinar se é necessário registar qualquer marca comercial para o seu produto. Por último, encontre um centro logístico e transportadoras que abranjam as regiões da Índia que lhe interessam.

O Market Finder inclui uma análise detalhada do índice Doing Business do Banco Mundial, que lhe permite ter uma ideia da facilidade de fazer negócios na Índia. Esta pontuação classifica cada uma das economias mundiais relativamente à facilidade de constituir e gerir uma empresa local, numa escala de 1 a 190. São avaliados dez aspetos para obter a pontuação. Estes incluem a facilidade de obtenção de eletricidade, a facilidade de obtenção de crédito e o potencial para o comércio transfronteiriço.

Ao realizar negócios num novo mercado, é recomendável conhecer os desafios administrativos, regulamentares e logísticos que podem surgir. Com o Market Finder, é muito mais fácil compreender os requisitos legais e a logística. O produto oferece-lhe mais apoio técnico e ferramentas, incluindo estatísticas e guias detalhados.

alt text

A Ingram Micro Commerce & Lifecycle Services fornece soluções de logística que ajudam as empresas a ligarem a procura à oferta.

Nota

Os conteúdos disponibilizados no site destinam-se apenas a fins informativos. Para aconselhamento financeiro, fiscal ou jurídico, consulte um especialista.