Como preparar a marca para a localização

Reúna uma equipa de tradutores para criar um glossário de tradução e um guia de estilo.

Glossário de tradução

Deve conter instruções para a tradução das palavras e expressões mais importantes no seu Website, como o nome da marca, os nomes dos produtos e as principais funcionalidades.

Termo de origem Categoria Tradução Idioma
Google Brand name Google French
Google Brand name Google German
Calendar Product name Agenda French
Calendar Product name Google Kalender German
computer General term ordinateur French
computer General term Computer German
Básico Crie um glossário de tradução simples

Identifique os 10 a 50 termos mais utilizados no seu Website

Crie uma folha de cálculo com uma linha para cada termo

Adicione uma coluna para cada idioma de destino da localização e indique a tradução desses termos.
Intermédio Desenvolva o glossário de tradução

Invista em tradutores e revisores profissionais. Contrate especialistas linguísticos do novo mercado para traduzirem termos-chave.

Reveja e atualize o seu glossário atual. Se um novo produto não corresponder ao estilo dos produtos existentes, crie um novo glossário específico do produto.

Escolha um sistema de gestão de terminologia. Utilize uma ferramenta de criação de alta qualidade para gerir as traduções dos seus produtos e serviços.
Programa completo Efetue a gestão do glossário de tradução

Automatize o processo ao adicionar termos ao glossário durante a tradução.

Expanda o impacto. Crie glossários específicos de cada produto.

Desenvolva um fluxo de trabalho:

1. Peça às equipas que estejam atentas a novos termos

2. Substitua os termos desatualizados

3. Recolha métricas sobre os termos de pesquisa importantes para escrever conteúdo otimizado para SEO

Guia de estilo

Um guia de estilo visa garantir que o conteúdo Web e das apps é escrito e formatado com consistência. O guia deve estabelecer estas principais diretrizes para os tradutores:

– Quem é o público-alvo?

– Qual é o estilo da sua marca? (Humorístico, comunicativo, profissional, etc.)

– Como se dirige às pessoas? (Sempre na primeira pessoa, sempre na terceira pessoa, etc.)

– Que tom utiliza? (Formal/informal)

– Como se deve adaptar o conteúdo a uma cultura específica? (Por exemplo, num guia de estilo árabe pode vir indicado que a palavra "piza" deve ser substituída por "faláfel".)

– Diretrizes de pontuação (espaçamento, aspas)

– Elementos de branding (únicos do país/idioma)

– Instruções de formatação (ênfase, tipos de letra, marcas comerciais)

– Instruções de adaptação (como lidar com moedas, endereços, números de telefone)

– Diversos (qualquer outro elemento único cuja consistência a sua empresa pretenda garantir)

Básico Crie um guia de estilo básico

Reúna num só documento os recursos de escrita e de design existentes

Determine as regras que devem ser seguidas (como acontece, por exemplo, no guia de estilo do The Economist)

Selecione 2 a 3 partes de conteúdo escritas recentemente e avalie o estilo "natural". Pense nas palavras, nas expressões e nos elementos da frase utilizados mais frequentemente.

Com base no seu estilo natural, crie padrões para cada tipo de conteúdo (por exemplo: Website, blogue, material de marketing)
Intermédio Avalie o guia de estilo

Reveja o guia. Obtenha o feedback dos membros das equipas de marketing, vendas, serviço de apoio ao cliente, etc.

Alinhe as necessidades das diferentes equipas. Utilize esse feedback para garantir que o guia de estilo responde às necessidades de todos (por exemplo, dos departamentos de marketing, vendas, apoio ao cliente, técnico ou jurídico).

Efetue a manutenção do guia de estilo. Reveja-o e atualize-o regularmente para garantir que não perde a sua utilidade
Programa completo Otimize o guia de estilo

Alargue a sua base. Crie guias de estilo específicos de cada idioma (e produto).

Publique o guia. Aloje-o numa plataforma acessível a todos os intervenientes.

Integre os novos utilizadores. Certifique-se de que os novos programadores de conteúdo se familiarizam com o guia.